O que você pode aprender sobre responsabilidade com Jordan B. Peterson

Que o mundo vem se tornando um lugar cada vez mais complexo você já está cansado de saber. Muitas teorias para explicar a vida contemporânea são criadas anualmente. Métodos e propostas abundam hoje na internet ou na sala de palestras mais próxima da sua casa. Tudo isso é necessário. Quem encontrar os melhores mapas vai conseguir navegar com mais segurança na realidade lá fora. Mas, antes de resolver embarcar nesta jornada, é preciso perguntar a si mesmo: você está pronto para a responsabilidade que é comunicar com pessoas das mais diferentes mentalidades neste panorama pós-pós-moderno?

12 Regras Para A Vida – Um Antídoto Para o Caos | Peterson,Jordan B. – Alta Books

No livro “12 Regras Para a Vida: Um Antídoto Para o Caos”, lançado em 2018, mas que já se tornou sucesso mundial, o renomado psicólogo canadense Jordan Peterson parte de seus estudos sobre os traços de personalidade para, numa linguagem bem simples, explicar alguns mecanismos que criam significado em nossas vidas.

Assemelhando-se ao que costuma-se chamar de uma perspectiva multi-disciplinar e buscando apresentar uma filosofia bem prática e moderna na sua aplicação, Peterson afirma que é somente através desta busca por sentido que o homem se torna capaz de assumir responsabilidade para com os outros. Ao mesmo tempo, é o próprio senso de responsabilidade com as coisas simples da vida que capacita a busca por sentido.

O que temos aqui é o símbolo do eterno retorno que pavimenta a vida dos indivíduos e das sociedades. O conhecimento do passado fundamenta o presente. O futuro é um ideal que buscamos alcançar. Entre uma coisa e outra, nós temos os seres, suas negociações, suas vontades, e é nesta tensão que surge a responsabilidade. É por isso que o que há de essencial nas histórias e mitos da humanidade está sempre sendo renovado e atualizado nos nossos projetos do presente, nas visões proféticas do futuro expressadas nas artes e nos empreendimentos que realizamos em nossas carreiras e em nossas comunidades.

Por apresentar histórias clássicas, filosofia existencial, dados científicos e anedotas cotidianas, este livro já é considerado um marco editorial do novo século. Lê-lo, concordando ou discordando das conclusões do autor, é um convite ao amadurecimento para quem lida diretamente com comunicação, e um deleite reflexivo para todos os demais que contam com ela para avançar suas empresas, ideias e valores em nossa sociedade tão fragmentada.

Assumir esta postura de responsabilidade proposta por Peterson pode ser um dos primeiros passos que daremos em direção à cura de nossas angústias e ao desenvolvimento de um mundo mais interessante desde já.

Resenha do livro no YouTube:

Resumo animado:

Podcast sobre o livro:

Diretor de Arte no HUB Criação.