Saiba como fazer uma gestão eficiente de redes sociais

Você já deve saber a importância das redes sociais para a estratégia de marketing digital. Elas são tão parte das nossas vidas que não conseguimos ficar longe delas. E, adivinha só: os seus futuros clientes também não. Nunca parou para pensar nisso?

É aí que entra a necessidade da gestão de redes sociais! Esse termo é usado para definir a coordenação das ações de divulgação, monitoramento, relacionamento, construção de marca, dentre muitas outras, que são realizadas nas mídias sociais.

Se você já percebeu que vivemos em um mundo totalmente conectado, já observou também que marcar presença nessa realidade digital vai fazer a diferença para os negócios. E, a essa altura, os seus concorrentes também notaram isso. Utilizar as redes sociais como ferramenta de marketing não é mais uma tendência para o futuro, é algo que já está acontecendo há muito tempo e evoluindo mais rápido do que você imagina.

Investir nisso é alcançar o seu público onde ele realmente está. Mas, para fortalecer a sua marca e impactar os seus futuros clientes, é preciso uma estratégia. Enquanto você ainda não entrou no mundo digital, muitos outros já entraram e estão disputando, com unhas e dentes, a atenção do consumidor.

Entre postagens de amigos e notícias compartilhadas, as marcas estão ali, lutando pela maior relevância. E quem ganha essa disputa? Quem colocar mais dinheiro para anúncios patrocinados? Não necessariamente. Assim como em qualquer batalha, a estratégia é que vai fazer a diferença.

Em uma realidade em que as pessoas se concentram cada vez menos, entregar a mensagem certa para a pessoa certa é o diferencial para se destacar. É por isso que você precisa saber como alcançar esse público. Vamos mostrar como é possível fazer uma gestão de redes sociais eficiente!

Conheça e entenda o seu público-alvo

Antes de se cadastrar em qualquer rede social, é preciso pensar em alguns pontos. Para quem você quer comunicar o seu produto? Isso vai ser o diferencial para definir a rede social escolhida, o tipo de conteúdo produzido e como serão feitos os anúncios.

Comece colhendo dados sobre quem está adquirindo os serviços da sua marca. Verifique gênero, faixa etária, poder aquisitivo e necessidades. A partir daí, você vai poder construir uma base de informações sobre a sua audiência. Será possível deduzir hábitos de consumo? Ou os bairros em que moram?

Você também poderá usar isso para descrever a persona, um personagem com as descrições pertinentes ao seu público-alvo, semifictícia, para quem você deverá produzir o conteúdo. Será mais fácil entender o que o seu consumidor espera, que anseios poderão ser resolvidos por meio da sua empresa e que tipo de mensagem vai interessá-lo.

Escolha bem as redes sociais que vai usar

Já sabemos que o mundo está se tornando cada vez mais conectado à Internet. Então, se as pessoas estão nas redes sociais, vamos abrir contas na maior quantidade possível, certo? Errado! Esse costuma ser o primeiro erro de quem não sabe como fazer gestão de redes sociais.

Como mencionamos no tópico anterior, ao conhecer melhor a sua audiência, vai ser mais fácil descobrir os seus hábitos de consumo e, em consequência disso, qual seria a rede social mais usada. Afinal, elas são muito diferentes entre si!

Quer exemplos? Se o seu público-alvo consiste em homens de meia-idade, entrar no Snapchat pode não ser uma boa. Ou se a marca não tem imagens interessantes para mostrar, entrar no Instagram pode não ser a estratégia de maior sucesso. Mas, no fim, tudo vai depender do que será decidido no planejamento.

Defina um objetivo e determine os KPIs

Algumas pessoas ficam tão encantadas com a quantidade de curtidas que acabam se esquecendo do motivo que realmente as levou a fazer uma conta na rede social. O seu objetivo é apenas ganhar curtidas ou levar mais pessoas para o seu e-commerce? Ou conseguir mais inscrições para o seu curso?

É importante definir isso para que a gestão de redes sociais não se perca no meio do caminho. Com esse objetivo em vista, será possível definir os KPIs (Indicadores-chaves de performance), que vão medir se as ações tomadas estão tendo um bom desempenho perante a estratégia. Alguns exemplos são os números relacionados ao tráfego em blogs, leads obtidos, taxa de conversão, entre outros.

Certifique-se de que o KPI escolhido possa ser mensurado e de que ele está alinhado com o que a empresa quer. Por exemplo, se você quer gerar leads para o curso que está propondo, esse é um bom indicador para se observar. A partir daí, a sua equipe de marketing poderá descobrir se está tendo sucesso ou não.

Produza a mensagem ideal para o seu consumidor

Parece um tanto quanto óbvio, mas o conteúdo é essencial para prender a atenção do seu público. Por isso, é tão importante descobrir mais sobre ele. Os hábitos da sua persona vão influenciar desde a escolha do layout dos posts até a redação deles. Não adianta escrever um texto enorme se o seu público não terá paciência para lê-lo.

Lembre-se também de que, quando você está fazendo gestão de redes sociais, é preciso focar bastante no relacionamento e na interação com o cliente. A linguagem utilizada também tem que ser pensada com antecedência para que a mensagem da sua marca seja recebida com eficácia.

No meio de tudo isso, não se esqueça do seu objetivo original. Você quer gerar leads para o curso que está lançando? Produza um conteúdo sobre isso nas redes sociais da sua marca! Claro que não é preciso sobrecarregar o seu consumidor com divulgações. Saiba equilibrar o relacionamento com ele, a divulgação do seu produto e os conteúdos do seu universo que possam interessá-lo.

Meça os resultados dentro da sua estratégia

Não adianta preparar um planejamento detalhado de gestão de redes sociais se não buscar os resultados disso. É aí que você vai entender a diferença entre fazer isso de modo profissional e simplesmente postar memes para ganhar mais curtidas.

O Facebook, por exemplo, conta com um detalhado relatório de Insights informando faixa etária do público, posts com maior engajamento, visualizações de vídeo e muitos outros. Cruzando esses dados com os KPIs escolhidos anteriormente, será possível ver se a marca está indo no caminho certo.

São esses resultados que vão fazer a equipe de marketing conseguir aprovação de verba para investir mais em anúncios e outras possibilidades. Por isso, explore ao máximo o que as plataformas oferecem e selecione as métricas mais relevantes. Se for preciso, reorganize a sua estratégia com essas informações.

Quanta coisa, não é mesmo? Não é simples fazer gestão de redes sociais. Se você quer que a sua empresa seja levada a sério, é preciso encarar esse trabalho com maturidade. Os resultados dessa dedicação serão observados na consolidação da sua marca no meio digital, no melhor relacionamento com os seus clientes e, claro, no sucesso do seu objetivo. O efeito disso pode ser mais leads qualificados, mais tráfego para o site, mais visualizações de vídeos, entre outros.

Dentro do Marketing Digital, as possibilidades são variadas. As novidades se multiplicam a cada dia e é preciso acompanhar todas. A gestão de redes sociais já faz parte do presente, então, por que não olhar para o que está vindo por aí? Por isso, preparamos uma seleção das tendências para o futuro do Marketing Digital, venha conferir!

Social Media do HUB Criação.

Apaixonada por gatos tanto quanto marketing digital.