Inovação: Uma breve história de comprometimento

O ano é 1990 e o mês é julho. O dia é uma segunda-feira qualquer e estamos na sala de criação de uma agência de Florianópolis. O dia começou tranquilo. A letra 7 está em cima da mesa e o prazo para entrega da arte-final do anúncio de jornal do cliente está apertado. Restam apenas 2 dias e ainda é preciso queimar o fotolito e imprimir a prova de prelo. Este era o máximo de inovação tecnológica da época…

Vendo esta imagem você nota o quanto caminhos em quesito de inovação
Oficina criativa do passado

Passamos então para 1992, uma grande revolução acontece na sala de criação. Foi instalado o primeiro computador. Um 386 com o programa CorelDraw 2. Os layouts feitos na forma “aramado”, para não “pesar”, somente seriam vistos depois de renderizar, o que poderia levar quase uma hora para finalizar. Mas na medida que o tempo passava, o desenvolvimento tecnológico gerava mais velocidade. Em 1994, mesmo com internet discada, o e-mail e os sites de pesquisa agilizaram o processo criativo e o relacionamento com o cliente. O ZipDrive foi instalado na agência por volta de 1996, o que aumentou a capacidade de armazenamento (100Mb), superando os disquetes (1,44Mb). Isso permitia enviar os arquivos digitais diretamente para as gráficas. Um avanço e tanto!

Aquilo que era, até então, apenas uma ferramenta para comunicação, torna-se um meio de comunicação. Em 1999, em uma reunião de criação, surge em pauta a necessidade de um site na internet. Quase que um cartão de visitas on-line, disponível 24h por dia, para que os prospects possam conhecer todo o potencial desse negócio. Ao mesmo tempo, os gravadores de CDs destruíam o mercado dos ZipDrives. A tecnologia começava a avançar com uma velocidade jamais vista.

A busca por inavação sempre esteve nos nossos planos
Os velhos tempos da Criação…

E assim começa a marcha acelerada da inovação!

Embora ainda desacreditada por alguns empresários, a qualidade de conexão em 2002 já permitia às empresas utilizarem a internet para se comunicar com seus clientes. O e-mail, já consolidado, foi o primeiro canal de comunicação on-line das empresas. As agências se entupiam de pedidos de e-mail marketing para impulsionar a venda de seus clientes. Até que em 2004 aparecem as redes sociais. Nesse ano foram criados nada mais, nada menos que o Orkut e o Facebook. Mesmo que ainda não tão populares no Brasil, as ferramentas de mensagem instantâneas faziam com que as pessoas utilizassem cada vez mais a internet. As agências ainda tateavam buscando formas eficazes de utilizar a internet para inovação das campanhas publicitárias. A velocidade só aumenta.

Em 2006, o Orkut se torna a rede social mais utilizada no Brasil, o Google lidera o segmento de ferramentas de busca e a informação adquirida por essas gigantes sobre os seus usuários interessam e muito ao mercado de propaganda. Ao mesmo tempo, os e-commerces crescem mais de 50% ao ano no volume de vendas. É a credibilidade junto aos consumidores.

A forma com que uma empresa se comunica na internet passou a ser fundamental em 2009. Nesse ano surgiam em Florianópolis as primeiras grandes agências digitais. Sempre trabalhando em parceria com as agências de propaganda. Estava-se profissionalizando o mercado, qualificando a forma de fazer propaganda no Google e de ativação de marcas nas redes sociais.

E o que muda quando chegam as redes?

O Facebook desponta no Brasil, desbancando o Orkut em 2011, e apresenta ao mercado novas ferramentas de comunicação empresarial. Ao mesmo tempo, ferramentas de análise de dados, como o Google Analytics, fizeram com que o mercado de propaganda pudesse, enfim, mensurar os resultados de uma campanha sem ser simplesmente baseado em vendas. E a partir de 2014, o mercado digital se consolida. Mais de 50% da população brasileira têm um smartphone, 46% da população estão no Facebook e o investimento de comunicação das empresas começa a ser direcionado para os canais digitais com foco em inovação.

Chegamos com muita velocidade em 2017 a uma nova era da comunicação digital. A WEB 3.0 traz ao mercado a possibilidade de análise de Big Data, compilando um número muito grande de informações, de todos os canais digitais da empresa, para avaliação de desempenho e posicionamento. Agora, é cuidar da marca, da informação nas redes e dos nichos que se pretende atingir e fazer com que a estratégia de marketing permeie o trabalho digital das empresas. Não basta estar na internet, o importante é saber onde, com quem e como se comunicar para fazer uma comunicação digital qualificada.

Esta é uma breve história do avanço da tecnologia no mercado publicitário

A agência da história foi baseada no que nós, do HUB Criação, acompanhamos ao longo de 27 anos. Porém, para nós, a maior evolução sempre esteve nas pessoas. Por isso, independente da tecnologia disponível na época, sempre focamos no comprometimento da nossa equipe como o principal diferencial da Criação.

O envolvimento total com o cliente é um dos fatores que está na base de nossos inúmeros cases de sucesso. É preciso compreender o negócio dele. Estar alinhado com o resultado da sua comunicação, via um atendimento personalizado. As parcerias que duraram – algumas ainda duram – por mais de uma década trouxeram para o HUB Criação a experiência e o conhecimento necessários para se adaptar às mudanças que nosso mercado impõe. Desde 1990 buscamos compreender não só o problema de comunicação dos clientes, mas a sua realidade. Olhamos para a sua totalidade, como se dá sua cadeia produtiva, sua relação com colaboradores e clientes. A cada novo cliente, realizamos imersões, pesquisas, e assim vamos da concepção de produtos ao pós-venda. Estamos sempre focados nas inovações que vêm por aí. Esta é a cultura que está em nosso DNA. Isto é o que chamamos de comprometimento no HUB Criação.

A velocidade de transformação vai aumentar. Não tem problema! Estamos prontos, adaptados e preparados. Temos profissionais capacitados nas mais diversas áreas de conhecimento para entregar um produto inovador para o mercado. É o design em seu mais alto grau de evolução com uma didática que todos podem acompanhar. Se você deseja compreender melhor as possibilidades que o mercado publicitário apresenta hoje, ótimo! Sabemos lidar com os meios tradicionais ou digitais, e podemos descobrir como e onde a sua marca pode estar inserida nisso. Estamos sempre dispostos a tomar um café… Nós amamos falar de inovação!

Powered by Rock Convert